Ácido Tranexâmico: tratamento para manchas e melasmas

ácido tranexâmico

O ácido tranexâmico é um medicamento com ação antifibrinolítica, capaz de diminuir a ativação de uma proteína chamada plasmina. A plasmina é responsável por estimular a formulação de uma resposta inflamatória no tecido da pele contra a presença da melanina, resultando no desenvolvimento das manchas características do melasma.

Como surgem as manchas e os melasmas?

As manchas escuras na pele conhecidas como melasmas, são doenças muito comuns desenvolvidas na pele do rosto de mulheres jovens. O surgimento do melasma pode ser uma consequência da mistura de vários fatores corporais e externos, que permitem o acúmulo de produção de melanina em certas regiões do corpo. Alguns desses fatores podem ser longas exposições a luz solar, períodos de alterações hormonais (na gestação, por exemplo), uso de medicações, estresse e traumas na região.

O tratamento dessa doença geralmente se baseia no uso tópico de ácidos clareadores, como a hidroquinona e o ácido retinóico, que ajudam a suavizar a tonalidade do tecido da região, porém o resultado depende muito da resposta orgânica do paciente. O uso de algumas vitaminas e de filtros solares também fazem parte do tratamento para reduzir as marcas na pele.

Como o ácido tranexâmico ajuda no tratamento das manchas?

A aplicação do ácido tranexâmico ajuda a conter o desenvolvimento das inflamações no tecido cutâneo causado pela plasmina, reduzindo a presença de manchas na pele de indivíduos susceptíveis.

Ele pode ser utilizado através de consumo de cápsulas via oral, como cremes tópicos e também como injeções intradérmicas (método que tem apresentado melhores resultados). Os tratamentos com esse ácido têm apresentado resultados mais satisfatórios em pacientes que apresentam melasma, com baixo índice de efeitos colaterais – como ardência ou irritação na região -, após a sua aplicação.

O tratamento com ácido tranexâmico, apesar de ser apresentado como eficaz e duradouro, ainda não é capaz de oferecer a cura para os pacientes que apresentam o melasma, sendo responsável por somente ajudar a reduzir o surgimento dos sintomas.

Qual a diferença dos outros tratamentos para mancha?

A utilização do ácido tranexâmico, especialmente quando aplicado através de injeções intradérmicas, tem apresentado resultados mais rápidos e duradouros no tratamento do melasma. Apesar do desconforto inicial sentido após a aplicação do medicamento com a agulha, muitos pacientes têm vivenciado resultados que são capazes de reduzir entre 30 a 90% das manchas de melasma encontradas no tecido cutâneo.

Para obter esses bons resultados recomenda-se a realização de, pelo menos, 10 sessões de aplicação do medicamento, com intervalos de aproximadamente sete dias entre cada uma delas. Vale a pena reforçar que o tratamento dos melasmas com ácido tranexâmico não isenta o paciente de continuar seus cuidados em casa, utilizando diariamente filtros solares para reduzir os efeitos da luz solar na pele.

1 Comentário

  1. […] Leia também: Ácido Tranexâmico: tratamento para manchas e melasmas […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar!

maillots football boutique fussball trikots outlet billige fodboldtrøjer fótboltatreyjur maillot de foot venta camisetas de futbol baratas goedkope voetbalshirts maillot foot pas cher maglie di calcio online fotbalové dresy eshop fotbollströjor med tryck stroje piłkarskie