Dieta pós-parto: o que comer e não comer

dieta pós parto

Alimentar-se bem deveria ser uma preocupação em todas as fases da vida de uma pessoa, porém, no período pós-parto, este tema merece ainda mais atenção. Vale destacar que a qualidade da dieta da mulher é extramente importante, tanto antes de engravidar, como durante a gravidez e após o parto, por afetar diretamente não somente a saúde dela, mas também a do seu filho.

O pós-parto é uma fase em que muitas mulheres acabam “se esquecendo” de ficarem atentas à qualidade do que estão comendo, até por estarem mais preocupadas com a nova rotina de cuidados com o bebê.

Mas, essa atenção com a alimentação não pode passar despercebida. Afinal, o pós-parto exige, sim, uma dieta especial.

Uma dieta saudável e balanceada oferece às mulheres micronutrientes (vitaminas e minerais) fundamentais para garantir a secreção láctea adequada e também assegurar o correto desenvolvimento da criança. Mas, afinal, como deve ser uma dieta pós-parto? Como a mulher deve se alimentar de forma completa e, ao mesmo tempo, conseguir voltar ao seu peso anterior à gravidez?

Tire algumas dúvidas sobre a dieta

A amamentação está relacionada ao aumento das necessidades de energia para suprir o organismo da mãe em quantidades adequadas na produção de leite, além de garantir uma redução de peso saudável. A perda de peso ocorre nos 3 primeiros meses e é mais intensa em mulheres que amamentam. Não se recomenda a redução de energia durante esse período e, a dieta deve apresentar no mínimo 1.800 kcal por dia para proporcionar nutrientes para a mãe e o bebê amamentado no peito.

As principais orientações dietéticas para esse período devem estar voltadas a uma alimentação saudável e adequada, e são destacadas abaixo:

  • Fracionar a alimentação em cinco ou seis refeições ao dia, evitando longos períodos de jejum, e para garantir níveis de açúcares normais e melhorar o aproveitamento dos nutrientes.
  • Ingerir líquidos (3L/dia), principalmente a água, e, em menores quantidades, sucos naturais.
  • Evitar bebidas açucaradas que podem levar ao ganho de peso inadequado.
  • Consumir leite e derivados pelo menos três vezes por semana, preferencialmente integral devido às vitaminas lipossolúveis.
  • Ingerir alimentos fontes de vitamina C nas principais refeições para assim facilitar a absorção do ferro.
  • Substituir os alimentos refinados por integrais.
  • Aumentar o consumo de verduras, legumes e frutas, incluindo um vegetal amarelo-alaranjado e uma fruta cítrica diariamente.
  • Ingerir peixe pelo menos duas vezes por semana.
  • Priorizar preparações na forma de assados, grelhados, cozidos, refogados.
  • Evitar o consumo excessivo de adoçantes.

Leia também: 26 maneiras de economizar na cozinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar!

maillots football boutique fussball trikots outlet billige fodboldtrøjer fótboltatreyjur maillot de foot venta camisetas de futbol baratas goedkope voetbalshirts maillot foot pas cher maglie di calcio online fotbalové dresy eshop fotbollströjor med tryck stroje piłkarskie