Saúde dos pés: motivos para usar menos o salto alto

salto alto

O salto alto é um dos principais recursos utilizados pelas mulheres para parecerem mais bonitas. Muitas não abrem mão de seus saltos em qualquer momento do dia – seja no trabalho, na faculdade, no encontro com as amigas ou até mesmo em casa. Embora seja, de fato, um acessório de beleza, seu uso contínuo pode trazer sérios danos. Se você é usuária assídua do salto alto, considere os fatores abaixo e reveja suas preferências.

4 motivos para usar menos o salto alto

1 – Salto alto não é saudável

É claro que, em algumas situações, usar o salto é quase uma obrigação velada. Mas tente manter esse tipo de sapato no armário a maior parte do tempo, porque o uso muito frequente pode prejudicar seriamente sua coluna.

Além disso, os pés também merecem um descanso, ainda que seja de vez em quando. Calos e joanetes estão entre os problemas que podem ser causados pelo uso indiscriminado do salto alto. As varizes também podem ser agravadas por esse tipo de acessório, uma vez que o salto exige muito mais das pernas do que sapatos sem salto.

2 – Salto alto não é confortável

Pode ser que você tenha se acostumado a usar salto alto a maior parte do tempo, mas isso não quer dizer que ele seja confortável. Experimente usar sapatilhas e sandálias baixas durante uma semana e você poderá perceber o quanto esse tipo de calçado é mais confortável. Se você passa boa parte do dia sentada, talvez não note de forma tão expressiva a diferença, mas para quem anda – mesmo distâncias curtas – durante o dia, a troca será muito bem-vinda.

3 – Salto alto nem sempre é seguro

Quando se usa salto alto, sempre há o risco de que o sapato fique enroscado em algum vão ou falha no piso. Se você já passou por essa situação, sabe o quanto é constrangedor e, mais que isso, perigoso, ter seu sapato preso no calçamento.

Outro problema possível é que o piso seja tão irregular que fique complicado caminhar por ele de salto. Essas situações podem causar tropeções, quedas e torções e, quanto mais puderem ser evitadas, melhor.

Não há, no Brasil, uma legislação que proíba o uso de qualquer altura de salto enquanto se dirige, mas sempre é arriscado optar por esse tipo de calçado ao volante. Além do fato de que o salto não oferece a firmeza necessária para garantir a segurança, pode ser muito desconfortável manejar os pedais do veículo.

4 – Salto alto não é uma unanimidade quando se trata de elegância

Há alguns anos, quando os calçados baixos normalmente não eram desenhados para serem propriamente bonitos, o uso do salto alto era justificável, do ponto de vista da moda. Esse argumento, entretanto, já não pode ser usado.

Sapatilhas, sandálias, chinelos e até mesmo tênis são, atualmente, tão elegantes quanto sapatos de salto alto. A maioria das roupas combina perfeitamente também com essas opções mais baixinhas – e você pode montar looks incríveis sem apelar para o salto. Até mesmo para sair à noite, se a ocasião for um encontro em um barzinho, por exemplo, as sapatilhas podem ser a melhor opção.

É claro que o salto não perde seu glamour – e você pode usá-lo em determinadas situações, para sentir-se mais sexy e bonita -, mas procure deixa-lo de lado sempre que for possível.

 

Leia também: Quais os sapatos ideais para trabalhar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar!

maillots football boutique fussball trikots outlet billige fodboldtrøjer fótboltatreyjur maillot de foot venta camisetas de futbol baratas goedkope voetbalshirts maillot foot pas cher maglie di calcio online fotbalové dresy eshop fotbollströjor med tryck stroje piłkarskie